Trajes

Mãe da Noiva Madrinhas Noivos


Escolhendo o sapato....

   
 


A primeira coisa que você deve lembrar sobre o sapato do seu casamento é que ele era tão confortável, que você nem lembra dele!

Portanto, a primeira regra antes de pensar no estilo é conforto! Você estará de pé por um período longo e não pode ficar com dores ou se sentir desconfortável. Especialistas recomendam que você tenha dois pares de sapatos para seu casamento: um para a cerimônia e outro para a festa que deve ser mais confortável, com salto mais baixo e resistente as danças, horas em pé cumprimentando a todos e tirando muitas fotos.

 os sapatos devem ter e seguir o mesmo estilo e cor do seu vestido.


Escolha a grinalda certa!
  • Rosto alongado:
    Evite coroas em geral: prefira grinaldas na testa em forma de “V” com cabelos presos e véu com volume lateral.
  • Rosto quadrado:
    Dê preferência aos arranjos no alto da cabeça. No caso de coroas, escolha as de altura média, acompanhada de véu longo, jogado para trás. Use grinaldas finas, de flores naturais ou tecido se a testa for estreita e prefira as mais grossas em cabelo semipresos em testa longa.
  • Rosto redondo:
    Valorize o formato de rosto com coroas altas, tipo rainha ou arranjo de flores ou pedrarias no alto da cabeça. Para afinar o rosto, tanto as coroas como arranjos devem ter véu em cascata para trás da cabeça e cabelos impecavelmente presos.
  • Rosto triangular:
    Se optar por coroas, dê preferência para as mais baixas e delicadas de pedrarias. Usea grinalda no meio da cabeça, acompanhada de véu longo, caindo nas laterais da cabeça para dar volume ao conjunto.
Dicas de produção para cada tipo físico
  • Noivas "proporcionais":
    Não importa se a noiva é alta ou baixa, ou com quilos a mais. Se o corpo for proporcional e em forma, use a imaginação, sem exagerar em brilhos, laços ou adereços. Escolha roupas que valorizem o seu corpo e com um toque de sensualidade nos decotes ou transparências. Tudo claro, com o cuidado de não se transformar em exagero. Evitem, porém, véus e grinaldas muito volumosos. Você deve valorizar o seu tipo físico sem deixar que algum detalhe interfira no visual.
  • Noivas magras e altas:
    Use tecidos mais encorpados, abuse de detalhes como babados e bordados onde precisa criar volumes - como no busto, nos quadris etc - e saias armadas com tule. Evite decotes profundos ou pronunciados. Se o busto é pequeno substitua os decotes por transparências. Lembre-se de que os drapeados aumentam a silhueta; golas e mangas, os ombros pequenos, mas evite as golas rentes ou altas.

    Marque bem a cintura com faixas, cores contrastantes ou faixas. Use arranjos de cabeça discretos e que não aumente na altura. O véu deve sair sempre da parte baixa do crânio, na altura do coque baixo, curtos, médios e longos. Evite volumes. Para finalizar a produção, escolha sapatos mais baixos e delicados como as sandálias ou Chanel.

     

  • Noivas pequenas:
    Use modelos de cintura mais alta para alongar a silhueta e prefira vestidos sem manga e de corpo justo. Evite saias rodadas que “achatam” a silhueta. O volume lateral da saia não deve ultrapassar a linha dos ombros e também se lembre de não exagerar nos brocados e pedrarias.

    A grinalda deve ser posicionada no topo da cabeça, buscando a idéia de mais altura. Mas nada de exageros. Arranjos altos só se for para equilibrar a diferença de estatura quando o noivo for muito alto. Uma dica: o véu longo aumenta visualmente a silhueta. Finalmente, escolha sapatos altos, mas sem exagerar no tamanho.

  • Noivas pequenas e gordinhas:
    Aproveite as dicas para noivas pequenas, mas passe longe de modelos de corpo justo ou tecidos aderentes. Prefira decotes mais fechados e transparências que “disfarçam” as gordurinhas do busto e braço. Opte por linhas clássicas de vestido em modelagens alongadas ou modelos com a cintura baixa. Evite babado e bordado e use sapatos de saltos altos com a frente fechada.
  • Noivas gordinhas:
    Adote tudo o que tem formato em “V”. Grinaldas, decotes, silhueta do corpo em “V” valorizam os ombros, recorte da cintura, cós e até o formato do buquê. Este formato distrai o volume do corpo graúdo. Evite volumes. Prefira vestidos evasé, corte princesa ou com a cintura baixa e recortes verticais. Esqueça também babados, brocados, bordados exagerados, mangas bufantes e gola alta. A grinalda deve ser discreta, longe do rosto, e o véu sem volume e longo, pois assim amplia e emagrece a silhueta.

 

Veja as dicas do cabeleireiro Marcelo Comino, do salão Jacques Janine Augusta II, de São Paulo, para brilhar no seu casamento

Caminhar deslumbrante em direção ao altar tem alguns segredinhos em relação à correta escolha do penteado. "É comum ver as noivas com os cabelos soltos nas revistas. Na prática, preparo noivas há 15 anos e fiz apenas uns 10 cabelos soltos. Todas querem prender os fios", revela o cabeleireiro Marcelo Comino, do salão Jacques Janine Augusta II, de São Paulo.

Portanto, veja aqui as dicas do especialista para não errar na escolha e, na dúvida, vá sempre de modelos clássicos. "A beleza está na simplicidade", sentencia Comino. O penteado ideal varia de acordo com o formato do rosto.

Cada rosto pede um tipo diferente

· Redonda: não use cabelo armado, que deixa o rosto mais cheio. O ideal é um penteado puxado para as laterais, que afina a face.
· Oval: versátil, este semblante permite todos penteados.
· Quadrado: cabelo mais cheio e arredondado dá harmonia.
· Triangular: mexas soltas disfarçam o queixo fino.

Estilo do vestido
Bom senso ajuda a combinar o penteado com o modelo selecionado.

· Vestido de época: seu sonho é entrar na igreja vestida como uma princesa? Opte por um penteado clássico para que o visual não fique rebuscado demais.
· Modelo contemporâneo: o modelito é clean? Então cabe um penteado bem elaborado, com mechas caindo ou pontas desfiadas. Versões fashion dão o tom às mais ousadas.
· Decotes: ficam bem com as madeixas soltas, com fios caídos dando élan às costas. Se houver um longo véu não há sentido em deixar os cachos soltos, pois eles acabarão encobertos.

Tipo da tiara
O acessório coroa a escolha correta do penteado. Mas, atenção! Noivo baixinho pede tiara idem para não destoar.

· Rosto redondo: tiaras altas e pontiagudas equilibram o look.
· Rosto quadrado: versões mais arredondadas e baixas compõem o conjunto.
· Rosto oval: permite tiaras pesadas, carregadas em pedras.
· Rosto triangular: um modelo maior ajuda a harmonizar o rosto, desde que ele não seja muito pequeno.
· Quanto ao estilo do vestido: vestidos de época ficam bem com tiaras elaboradas. Modelos simples com versões despojadas.

O passo-a-passo da seleção
É fundamental planejar o penteado com antecedência.

1. No mínimo um mês antes: munida de idéias, sonhos, fotos de revistas e acessórios, marque uma hora com o cabeleireiro para discutir o tipo ideal de penteado para você.
2. Uma semana antes: é chegada a hora do teste de noiva, quando o cabelo e a maquiagem são feitos para se ter uma noção exata de como a noiva estará no dia do casamento. Se não gostar, dá tempo de mudar.
3. No dia: quem gosta pode ficar o dia inteiro no salão deliciando-se com massagens, manicure, pedicure e outros regalos. Quem não suporta a idéia deve chegar com duas horas de antecedência, tempo suficiente para o preparo do cabelo e da maquiagem. O ideal é sair do salão direto para a igreja.

Como ficar ajeitada até o final da festa
Para o cabelo não cair, os profissionais usam os seguintes truques:

1. Finalização, só depois de vestida. Depois de lavado e escovado, o cabelo é preso com bobes, rolhas ou papelotes. Parte-se para a maquiagem, coloca-se o vestido para só então soltar as mechas e finalizar o look.
2. Boa dose de produtos como musse e spray fixam os fios.
3. Grampos em dose farta seguram as mechas no lugar. Para não aparecer, eles devem ser da cor do cabelo.
4. Cuidado com o véu: se quiser removê-lo no meio da festa, é conveniente que a manobra seja feita por alguém orientado pelo cabeleireiro para não estragar o cabelo.

 


Madrinhas de Outono

    Talvez o outono seja a época mais difícil para a madrinha escolher o seu vestido, principalmente neste nosso país, que as estações do ano não são lá muito bem delimitadas. Mas, o que fazer? Você foi convidada para ser madrinha do casamento da sua amiga, da sua irmã, não importa, você está tão feliz em ter sido lembrada que vai fazer o melhor que puder. Se para a noiva, o vestido é a peça mais importante deste dia tão especial, para a madrinha também deve ser. Talvez fique mais fácil se dividirmos o tipo de cerimônia para qual você foi convidada, em estilos, para que possa escolher com mais chances de acertar. Vamos lá:

    Informal -             

As madrinhas podem usar vestidos mais claros, sem brilho, curtos ou longuetes. Estas cerimônias são 
                                  realizadas pela manhã e muitas vezes, ao ar livre.

   Semi-formal -      

 Estes casamentos são realizados à tarde ou ao entardecer. As madrinhas continuam não devendo usar 
                                  brilho, mas os tons claros, como verde água, ou azul céu, são boas opções. Os vestidos ainda são curtos ou 
                                  longuetes.

   
Formal -                

São realizados à noite. Você deve usar vestidos longos, e de preferência com cores escuras. Pode optar 
                                  pelo uso do chapéu.

   
Formal Elegante - 

Também são realizados à noite, o que muda é a pompa do cerimonial. Você deve continuar usando
                                  longos, de cores mais fechadas e é fundamental o uso de chapéu.

    Formal Glamour -  

Este tipo de cerimônia é a mais requintada. São também realizados à noite. A madrinha deve usar vestido
                                  longo, mais formal, e de preferência com brilho, muito brilho.

                                                                                Dicas gerais:

    É o grande dia da noiva e não o da madrinha... Logo, ela não quer e não deve ofuscar a noiva. O branco não é permitido em hora alguma, pois de branco só a noiva, se ela quiser. Preto é muito bonito, e fica bem em quase todas as pessoas, mas não é obrigatório. Cores escuras podem ser grafite, marrom, azul marinho, cinza, entre muitas outras. Como estamos no outono, uma boa alternativa é optar por um modelo que tenha xale, pois o dia pode estar mais frio. Também não usar nada decotado, pois se o dia estiver um pouco mais frio, você se arrependerá. Outono não é mesmo a estação para se usar decotes. Escolher um feitio que fique bem na madrinha, que esteja de acordo com o tipo de cerimônia e sucesso!!!!!